quinta-feira, 19 de julho de 2018

Carlos Eduardo recebe Rosalba com "honra e alegria"

O pré-candidato ao governo do RN, Carlos Eduardo afirmou, há pouco, em postagem no twitter, a seguinte nota:
- Momento marcante para nossa pré-candidatura a governador. Recebo, com honra e alegria, o apoio da prefeita de Mossoró, @Rosalba Ciarlini, uma líder em seu quarto mandado.
A nota foi ilustrada com a foto abaixo, onde Carlos e Rosalba estão ladeados por Betinho Rosado e o prefeito de Natal, Álvaro Dias (à esquerda) e por Beto Rosado, pré-candidato à reeleição como deputado federal e o ex-deputado Carlos Augusto Rosado (à direita).
Foto: Divulgação
Depois, Carlos Eduardo acrescenta:
- Rosalba vem somar - e muito - com sua experiência e talento político. É Mossoró na nossa caminhada.
Sobre a escolha do pré-candidato a vice, destacou:
- Também feliz pela indicação feita pelo PP, que se une à nossa coligação, do jovem publicitário Kadu Ciarlini para pré-candidato a vice, profissional de reconhecida competência que estará conosco nesta luta.
E assinalou:
- Obrigado, Rosalba, obrigado ao PP, estamos nos fortalecendo cada vez mais! Obrigado a todos que estão conosco nesta caminhada.
Por fim, completou:

- Uma boa noite especial ao Rio Grande do Norte e a Mossoró.
Para acessar a página de Carlos Eduardo no twitter, CLIQUE AQUI.

LEIA também:
Kadu coloca o vigor da juventude na chapa de Carlos Eduardo

Agripino anuncia desbloqueio do Terminal Salineiro

O senador José Agripino postou, há pouco, em sua página no twitter, a seguinte nota:
- Acabei de receber uma ligação do Ministro do Meio Ambiente, Edson Duarte, com uma ótima notícia para o nosso RN. Ele atendeu uma solicitação minha para desbloquear o Terminal Salineiro de Areia Branca. Assim os salineiros poderão retornar às atividades imediatamente.
Para acessar a página de José Agripino no twitter, CLIQUE AQUI.

Kadu coloca o vigor da juventude na chapa de Carlos Eduardo

A definição de Kadu Ciarlini (PP) como candidato a vice põe o vigor, os sonhos e o entusiasmo da juventude na chapa do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo.
Carlos já vinha despontando pelo que demonstrou, não apenas na Prefeitura de Natal mas também na Secretaria de Interior e Justiça, cargos em que desenvolveu um estilo de gestão que o credencia como um enfrentador de desafios e dificuldades.
Sem nenhuma dúvida, tendo ao lado um jovem idealista, como Kadu, preparado e com o peso eleitoral do grupo político a que pertence, ganha um inquestionável reforço para a sua pré-candidatura ao governo do RN.
O fato tem ainda a conotação de unir o grupo Rosado também na disputa proporcional, com cada um dos ramos indicando um,  pré-candidato a federal - Beto Rosado; e o outro, a pré-candidata a estadual, Larissa. 
O anúncio do apoio do PP a Carlos Eduardo foi confirmado pela prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini.
Confira no video abaixo:

Leia também:
Carlos Eduardo recebe Rosalba com "honra e alegria"

Hoje, a missa, dia 19, de 7º dia para Jorge Paiva Xavier


quarta-feira, 18 de julho de 2018

Morre ex-vereador e desportista em São Gonçalo, Nilton Batista

O ex-vereador Nilton Batista de Lima, ex-presidente do tradicional Clube Leão de Ouro, faleceu na noite de ontem, em Igreja Nova.
O seu velório está sendo realizado na sede do Leão de Ouro e o sepultamento está marcado para às 16 horas desta quarta-feira.
Nilton, de 88 anos, estava internado na UPA da Zona Norte de Natal. Foi lá que ocorreu o o falecimento.
Nilton estava viúvo há três meses, quando perdeu sua esposa, dona Maria Clementino de Lima.
São seus filhos Vera Lúcia, Nivanaldo e Veronese. Ele deixa oito netos e sete bisnetos.
Conforme registro do também saudoso amigo José Soares da Câmara em seu livro "História do Legislativo São-Gonçalense", Nilton Batista foi eleito para a quinta-legislatura - de janeiro de 1977 a janeiro de 1983.
Na época, a composição da Câmara, com 10 vereadores, foi a seguinte (em ordem alfabética):
Agenor Rodrigues
Cícero Rodrigues de Souza
Creuzo Protásio de Lima
Iracy Guedes Cavalcanti
Júlio Paulino de Carvalho
Maria do Carmo Brito
Maurício Fernandes de Oliveira
Nilton Batista de Lima
Raimundo Nonato Fernandes
e Vitoriano Pereira de Brito.

terça-feira, 17 de julho de 2018

Pré-candidato ao Senado, Preto Aquino reclama de exclusão pelo IBOPE

O vereador Preto Aquino, do Patriota (PEN 51) também anunciou que vai à Justiça para reclamar por ter o seu nome - como pré-candidato ao Senado - excluído em pesquisa realizada pelo IBOPE.

Num grupo de whatsapp, o vereador postou a seguinte nota (transcrita em letras vermelhas):

- Com muita satisfação informo que fui citado em todas as pesquisas que foram realizadas ao Senado Federal o qual participei no RN, mas é importante ressaltar que o meu nome não foi incluído na pesquisa do “IBOPE”. Destaco, que essa semana tomarei as devidas providências junto à justiça para inclusão do meu nome. 
Att.,
Vereador Preto Aquino 
17/07/2018

Anteriormente a mesma queixa foi feita pelo Solidaridade, porque, segundo informou, o IBOPE excluiu o nome do seu pré-candidato ao governo, Breno Queiroga.
Para ler a nota do Solidariedade, CLIQUE AQUI.
Foto: Divulgação



Presidente da Croácia estudou português durante 3 anos

A revelação está no portal português Diário de Notícias, que a entrevista durante visita que fez fez a Portugal no mês de maio.
A presidente Kolinda Grabar-Kitarovic ganhou notoriedade por sua presença em Moscou torcendo pela seleção do seu país, durante a Copa deste ano.
Ela, inclusive, revelou haver traduzido um livro de português para croata.
E, segundo a reportagem, reconhece:
- Hoje tento ler o máximo possível em português, mas falta-me o contacto humano e as conversas. 
CLIQUE AQUI para ler a noticia completa no portal Diário de Notícias.

Britânicos alertam sobre superbactéria transmitida sexualmente

Agência Brasil

A Associação Britânica de Saúde Sexual e HIV (BASHH, na sigla em inglês) acendeu a luz de alerta para uma infecção sexualmente transmissível que se alastra pelo mundo, tratada como “superbactéria”. A contaminação da Mycoplasma genitalium (MG) ocorre em relações sexuais sem o uso de preservativo.

Por ser uma doença ainda pouco conhecida, nem sempre há testes para diagnóstico preciso e também medicamentos específicos. As informações sobre a superbactéria estão sendo reunidas e analisadas.

Um estudo divulgado pela BASHH alerta que, se medidas urgentes não forem tomadas, a MG pode se tornar uma “superbactéria” em dez anos. Atualmente, uma em cada 100 pessoas infectadas pode não responder ao tratamento.

Segundo a análise, os dados preocupam porque a não reação ao tratamento pode levar até 3 mil mulheres por ano a terem doença inflamatória pélvica (DIP) causada por MG e com risco de infertilidade.

Características
A “superbactéria” provoca sintomas semelhantes aos da clamídia – doença sexualmente transmissível também por bactéria que provoca dores, inflamação pélvica e corrimento -, mas é mais resistente ao tratamento e, se não tratada, pode levar à infecção da órgãos reprodutivos e causar infertilidade.

Há, ainda, mais semelhanças entre a contaminação por Mycoplasma genitalium (MG) e outras doenças sexualmente transmissíveis. No caso do homem, provoca ardência ao urinar e secreção, além de inflamação dos órgãos internos.

Nas mulheres, a superbactéria provoca dor ao urinar, inflamação de órgãos internos, secreção e infertilidade, em situações mais graves.

De acordo com especialistas, homens e mulheres correm risco de serem contaminados pela MG quando fazem sexo desprotegido, no caso, sem o uso de preservativo. A contaminação pode ocorrer por via oral, vaginal e anal.

Prevenção e Tratamento
O estudo informa que 72% dos especialistas em saúde sexual disseram que é preciso mudar as práticas sexuais para se tornem mais seguras. No caso, recomendam um alerta das autoridades públicas sobre as ameaças do avanço da superbactéria.

O porta-voz da BASHH, Paddy Horner, afirmou que a MG é tratada com antibióticos, mas até recentemente não havia testes disponíveis para diagnosticar a doença. Segundo ele, houve situações de diagnóstico e tratamento equivocados.

Para elaboração do estudo, foram ouvidos 169 especialistas em saúde sexual que atuam no Reino Unido. Entre as recomendações apresentadas estão o melhor controle da resistência aos antibióticos, a busca pelo diagnóstico mais preciso, a redução de custos do tratamento e o acompanhamento.

Solidariedade queixa-se do IBOPE e da TN por excluirem seu pré

O partido Solidariedade vai acionar a Justiça para tentar impedir que o IBOPE divulgue uma pesquisa da Tribuna do Norte que omitiu o nome de Breno Queiroga do questionário de pré-candidatos ao Governo do Rio Grande do Norte.

Para o partido, a omissão do nome de Breno é um equívoco que macula a qualidade da pesquisa.

“O IBOPE é um instituto respeitado e a omissão do nome do pré-candidato de um partido com relevância estadual, como é o Solidariedade, afeta o resultado final do questionário. Breno será o primeiro pré-candidato com a candidatura homologada em Convenção, na próxima sexta, 20, e o Solidariedade lançará mais de 45 candidatos aos mais diversos cargos na eleição deste ano. Breno viajou a inúmeras cidades nos últimos 15 dias, construindo seu nome numa parcela significativa da opinião pública”, explica o presidente estadual do Solidariedade, deputado estadual Kelps Lima.

O próprio jornal Tribuna do Norte, que fez a pesquisa junto ao IBOPE, já havia noticiado o nome de Breno como um dos pré-candidatos da eleição, no dia 4 de julho, conforme está registrado na internet - http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/maioria-dos-partidos-deixa-as-convena-a-es-para-agosto/417495
Nota e foto encaminhados pela Assessoria de Imprensa do Solidariedade.
Breno Queiroga fala ao jornalista Washington Rodrigues
(Foto: Divulgação)

segunda-feira, 16 de julho de 2018

INSS paga 1ª parcela do 13º com o salário de agosto

Agência Brasil

Aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) receberão a primeira parte do 13º salário junto com a remuneração de agosto. A primeira parcela do abono anual corresponderá a até 50% do valor do benefício.

O decreto autorizando a antecipação foi assinado hoje (16) pelo presidente Michel Temer, mas ainda não foi publicado no Diário Oficial da União. A medida deve injetar R$ 21 bilhões na economia do país e movimentar o comércio e outros setores.

Como determina a legislação, não haverá desconto de Imposto de Renda na primeira parcela paga a aposentados e pensionistas do INSS. O imposto sobre o valor somente pode ser cobrado na segunda parcela da gratificação natalina, a ser paga junto com a remuneração de novembro.

Desde 2006, o governo antecipa a primeira parcela do 13º salário dos aposentados e pensionistas na folha de agosto.

Somente em 2015, o pagamento foi adiado para setembro, por causa do ritmo fraco da economia e da queda da arrecadação.

Candidato do PSOL ao governo do RN ganha espaço na Folha

O professor Carlos Alberto foi destaque do conceituado jornal Folha de S. Paulo. Uma reportagem publicada nesta segunda-feira, 16, ressaltou as propostas do pré-candidato do PSOL ao Governo do RN, as críticas dele às oligarquias e como a esquerda tem que governar.
Um eventual governo do PSOL seria mais à esquerda em relação às eras do PT, diz o professor.
Os erros dos petistas foram políticos. “Como é que você imagina que alianças com o Sarney e o Renan Calheiros iam dar certo?”, criticou.
Conforme dito pelo professor ao jornal, atualmente 84 indústrias têm renúncia fiscal de aproximadamente R$ 300 milhões ao ano. O valor poderia apoiar as 10 mil indústrias do estado “que nunca receberam qualquer incentivo”.
A análise da situação do estado feita pelo professor que há 22 anos leciona da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) também foi destacada na publicação. Carlos Alberto citou os altos índices de violência e desemprego, o baixo crescimento econômico e a precariedade da educação.
Fato determinante para esse cenário, conforme observado pelo professor, são as oligarquias que há anos ocupam cargos no estado.
Carlos Alberto ressaltou que não terá dificuldade, como governador, para formar a maioria na Assembleia Legislativa.
“Quem será contra erradicar o analfabetismo? Quem não irá votar um orçamento para que a habitação seja uma prioridade? Muitos serão simpáticos a isso apesar de estarem em partidos diferentes”, pontuou.
Texto e foto encaminhados pela Assessoria de Imprensa do PSOL.

Artigo de Paulo Afonso Linhares

JUSTIÇA: AS  VÍSCERAS EXPOSTAS

Paulo Afonso Linhares


Complexo de vira-lata à parte, uma propensão natural da sociedade brasileira, em todos os níveis, é avacalhar conceitos e instituições. Leia-se o “avacalhar” no sentido clássico do “corromper”, de mudar características, adulterar, alterar, misturando-se com outra acepção, que é a de depravar, perverter, viciar, tudo conforme se aprende no Aurélio. Nestas paragens tupiniquins nem sempre em se plantando tudo dá, mas, tudo que possa parecer sério é factível de avacalhação.
Em tempos recentes, depois de avacalharmos o ciclo de governos militares 1964-1985, partimos para deixar na lama todos os governos democráticos posteriores, de todos os matizes políticos e ideológicos. Claro, tudo isso muito facilitado pelos vícios históricos do patrimonialismo e do paternalismo que inevitavelmente deságuam na apropriação da coisa pública por grupos privados em detrimento de toda uma coletividade que é chamada a sustentar os privilégios enormes de poucos.
Depois da passagem de muitas instituições pelo inefável moinho da avacalhação, eis que se posta nos seus umbrais a mais sisuda e (atualmente) poderosa de todas -  o Poder Judiciário -  que, a partir de imprecisos desenhos constitucionais se propõe como dianteira política, ponta de lança, algo assim como um ‘ centro-avante’ da estupefata nação brasileira, a despeito de sua origem não ser a soberania popular exercida através do voto direto e secreto.
O último episódio a envolver o Judiciário, em dias recentes, teve a ver com esse monstrengo que atende pelo nome de “Operação Lava-Jato”, capitaneada pela máquina da Justiça e secundada pelo Ministério Público e a Polícia Federal, que, a pretexto de esvurmar o tumor da corrupção sistêmica firmemente arraigada em toda a estrutura do Estado - o que não deixa de ser um bom e justo anseio de uma sociedade cada vez mais depauperada e sem esperança - tem lançado mão de fórmulas garantidoras de uma hegemonia incontrastável não apenas para pautar politicamente a Nação, mas, também, para acessar uma série de privilégios  antirrepublicanos. 
Ocorre que, estando o Brasil cabisbaixo com o fracasso da participação de sua seleção de futebol na Copa do Mundo, derrotada que foi na sexta-feira, 6 de julho de 2018, no domingo seguinte trombetearam os meios de comunicação a surpreendente notícia da concessão de uma medida liminar da lavra do desembargador federal Rogério Favretto, do Tribunal Federal da Quarta Região, que determinava a imediata libertação do ex-presidente Lula, encarcerado em Curitiba, na sede da Polícia Federal para cumprimento de pesada condenação imposta pelo juiz federal Sérgio Moro e corroborara por uma das câmaras daquele mesmo Tribunal.
Embora questionável juridicamente sob diversos prismas, a decisão do desembargador Favretto, mandava a liturgia processual - certo ou errado esse despacho, não importa - fosse-lhe dado cumprimento imediato em homenagem à tão difundida e sacrossanta parêmia de que “decisão judicial não se discute, cumpre-se”. Ora, dos órgãos públicos judiciários brasileiros saem diariamente centenas de milhares de decisões que, em grande medida, são verdadeiros aleijões jurídicos - ou “teratológicas”, como dizem os operadores do direito -, todavia, devem ser cumpridas, sob pena de agressão à “dignidade da Justiça”.
Dessa feita, porém, esse postulado transmudou-se em poderosa tábula rasa: o juiz Moro, de férias em Portugal, expediu decisão que impedia fosse cumprida, pela Superintendência da Polícia Federal do Paraná, a ordem emanada do desembargador Favretto. O nó estava dado, em especial depois de reforçada pelo presidente do TRF-4, desembargador Thompson Flores, e o relator da Lava-Jato no mesmo tribunal,  desembargador João Pedro Gebran. Impasse como há muito tempo não se via no âmbito do Judiciário.
Essa ópera bufa protagonizada pela Justiça brasileira teve como fecho o iracundo discurso da presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministra Laurita Vaz, quando decidiu denegar 143 pedidos de habeas corpus impetrados em favor do ex-presidente Lula, em 11 de julho de 2018. Como não podia ser diferente, fez pesadas críticas ao desembargador Favretto, classificando a decisão deste como “teratológica”, ou seja, um aleijão jurídico, ao mesmo tempo em que derramou elogios ao juiz Sérgio Moro, que impediu o cumprimento da ordem que livraria Lula da cadeia. Aliás, é a mesma teratologia que centenas de juristas do mundo inteiro enxergam da sentença que condenou o líder petista a 9 anos de reclusão e estendido para 12 anos, em números arredondados,  pelos desembargadores da oitava turma do Tribuna Regional Federal da Quarta Região.
O tom agressivo da presidente do STJ - nomeada  ministra por Fernando Henrique Cardoso - deixa patente que o desembargador Favretto será ‘fritado’, inelutavelmente, pela ousadia de sua decisão. Como resumo dessa ópera esdrúxula tem-se que o episódio expôs a “lawfare” (algo como perseguição judiciária, no direito norte-americano) de que é vítima o ex-presidente Lula, ademais de quebrar o velho  paradigma, sacrossanto, repita-se, para o Judiciário brasileiro, de que “decisão judicial não se discute, cumpre-se!” O que parecia um ritualístico duelo de punhos de renda, tão ao gosto da cultura bacharelesca tupiniquinss, agora virou luta franca, como tacapes a brandir no ar.
Fora das sisudas paredes dos tribunais brasileiros e seus “salões de passos perdidos”, entretanto, ganha força a ideia de “Lula livre”, pela voz insuspeita das ruas, cristalizando-se a impressão de que, ainda, há muito jogo pela frente. Aliás, pode vir aí, quem sabe, o Nobel da Paz para Lula? Fato novo? Sem dúvida. Para balançar as coronárias de brancosos e direitistas de todas as extrações, sobretudo, dos súditos do Califado de Curitiba. A conferir.

Garibaldi convocação convenção do MDB-RN

Nota de Convocação

O MDB convoca seus filiados e militantes para a sua Convenção Partidária onde será homologada a candidatura do Senador Garibaldi Filho à reeleição e dos candidatos da legenda a Deputados Estadual e Federal.
Contamos desde já com a força e a disposição da nossa militância para esse evento e reforçamos nossa determinação de participar dessas eleições buscando o melhor para o Rio Grande do Norte e apresentando para esse propósito nossos melhores nomes para representar nosso estado no Senado e nas Casas Legislativas Estadual e Federal.
O evento acontecerá no dia 04 de agosto em local a ser definido.

Garibaldi Filho.
Presidente Estadual do MDB.

sábado, 14 de julho de 2018

Isabel pode ajudar Garibaldi a conquistar apoio de Rosalba

Uma pessoa-chave que pode ajudar ao senador Garibaldi Filho a conquistar o apoio da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlino, ao seu projeto de reeleição, é a presidente da Câmara Municipal, Isabel Montenegro.

Isabel foi decisiva para levar o MDB a apoiar Rosalba no pleito de 2016.

Vereadores de São Gonçalo com Carlos Eduardo

A assessoria de imprensa do PDT distribuiu ontem a foto do pré-candidato ao governo, Carlos Eduardo, recebendo o apoio de um grupo de vereadores de São Gonçalo.
Gerson Bezerra (PRB), Jailson Tavares (PR), Nino (MDB), Adelson Martins (PV), Thiago Soares (PTC) e Chanxe Dantas (PRB) anunciaram, pessoalmente, que decidiram marchar com a pré-candidatura do ex-prefeito de Natal ao governo do RN.

FESA convida para a feijoada musical neste sábado



sexta-feira, 13 de julho de 2018

Mossoró: Desejo de Carlos Augusto é preservar espaço de Larissa

Depois de vários anos trilhando caminhos políticos diferentes, a família Rosado reencontrou-se na campanha municipal de 2016 em torno da liderança da então candidata a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini.
Este ano, porém, o desafio é maior. A prefeita e seu mentor político e marido, ex-deputado Carlos Augusto Rosado, sonham não apenas com a sustentação dessa unidade no nível local, mas, também, com a sua ampliação para o âmbito estadual.
E isso pressupõe a preservação dos espaços hoje ocupados pelos dois eixos do grupo, atualmente acomodado em dois partidos - a deputação federal exercida por Beto Rosado (PP) e a deputação estadual exercida por Larissa Rosado (PSDB).
Isso será possível?
O tempo dirá. 

Lar da Vovozinha realiza ‘São Julhão’ amanhã, sábado (14)

Evento será aberto à comunidade 
e contará com apresentações 
musicais e comidas típicas

Ainda em clima dos festejos típicos do Nordeste brasileiro, o Lar da Vovozinha, em Natal, realizará o ‘São Julhão’ neste sábado (14), a partir das 14h30, no pátio da Escola Municipal Mario Eugênio Lira, que fica em frente à instituição. A programação, que é aberta ao público, conta com apresentações musicais, quadrilha improvisada, comidas típicas, pescaria e barraca do beijo. 

Para garantir a animação das idosas e dos visitantes, se apresentam na festa o Trio Forró Pesado e Thiago Sanfoneiro com Eurico no Acordeom. Além disso, o Lar promoverá o sorteio do balaio de São Julhão que está sendo vendido por R$ 5, até sexta-feira (13), por meio dos telefones: (84) 99152-3744, 99929-2063 e 99101-9090. A renda arrecadada ajudará nas despesas e manutenção da instituição. O evento conta com apoio da Loja 084 Store, do Pastelanche e da Master Coach Rafaela Sales. 

O Lar da Vovozinha é uma instituição filantrópica que atua na capital como moradia para 40 idosas e tem na sociedade potiguar seus maiores parceiros. Interessados em serem voluntários nas atividades realizadas com as idosas, pode ir conhecer de perto o local, que fica Av. Antônio Basílio, nº 1264, bairro Dix-Sept Rosado. 

Serviço - ‘São Julhão’ Lar da Vovozinha*
Data: 14 de julho - amanhã, sábado
Hora: 14h30
Local: Escola Municipal Mario Eugênio Lira (em frente ao Lar)



Amanhã, sábado, tem a feijoada musical da FESA. Participe!


quinta-feira, 12 de julho de 2018

Morre, aos 76 anos, Jorge Paiva Xavier, aposentado da Receita Federal

Jorge Paiva Xavier, funcionário aposentado da Receita Federal, faleceu hoje em Natal aos 76 anos de idade.
Deixa viúva, a sra. Cianuzia de Moura Xavier, três filhas - Jorziane (esposa do ex-vereador de São Gonçalo, Teófilo Neto), Jorzia e Jorziene - e duas netas - Tatiana e Ana cecília.
O velório está sendo realizado no Centro da Rua São José (em Natal) e o sepultamento será nessa sexta-feira, dia 13, no Morada da Paz de Extremoz.